sexta-feira, 25 de março de 2011

DA SÉRIE: QUERO COMPRAR UMA CRICUT – VANTAGENS, BENEFÍCIOS… DESVANTAGENS??.

Estive mais uma vez “desaparecida”… Mas são vários motivos que ainda me impedem de fazer mais postagens. E o que tenho para hoje???
Outro dia lendo um pouco sobre a Cricut, encontrei um artigo legal que dizia algo sobre benefícios de se ter uma Cricut Expression. Eu resolvi então “traduzir e adaptar” este artigo, pensando principalmente em algumas pessoas que me escrevem pedindo mais informações sobre a Cricut. Infelizmente, a autoria dele não está  clara, mas o link é este aqui.
Só um adendo: Eu me preocupo muito com esta questão de direitos, mas creio que ao citar a fonte, eu não estou cometendo nenhum crime, afinal quando eu escrevi minha dissertação de mestrado, eu usei vários artigos, devidamente traduzidos e adaptados ao meu trabalho e citei todos nas minhas referências bibliográficas. De qualquer forma, apesar de ter tentado traduzir, com certeza boa parte do texto inclui opiniões minhas.
Então vamos lá….
PORQUE TER UMA CRICUT EXPRESSION?? QUAIS SEUS BENEFÍCIOS E VANTAGENS??
 
1. PROJETOS DE ARTESANATO
Para quem trabalha com vários tipos de artesanato, a Cricut é uma “mão na roda”. Ela corta formas diversas, letras e frases em tamanhos que variam de menos de 1 cm até cerca de 50 cm.
O que podemos fazer? Páginas de scrapbook, cartões, home decor, adesivos em vinil, decoração de festas, trabalhos escolares, etc. Para o scrap em especial, é uma boa ferramenta, principalmente para quem participa de crops, dá aulas, prepara kits, etc.
Nota: Para cortes maiores é preciso comprar o mat maior, que não acompanha a máquina ( o mat é a base onde o papel é aderido para então ser introduzido na Cricut para ser cortado). Aqui no blog tenho vários artigos explicando melhor sobre esta DCM. É só clicar no marcador CRICUT ao lado.
cricut imagina
 
2. USO DO COMPUTADOR
A princípio ela não necessita de um computador. Basta usar os cartuchos, colocar o papel e escolher as formas e tamanhos que ser quer cortar.
Notas: os cartuchos precisam ser comprados separadamente. Dependendo de onde e como é feita a compra, alguns cartuchos podem acompanhar a Cricut. São relativamente caros, principalmente no Brasil. Cada cartucho contém um número bom de formas, porém são restritos ao tema. Funciona mais ou menos assim, quanto mais formas diversas e alfabetos diferentes eu quiser, mais cartuchos eu terei que comprar. Se eu compro um cujo tema principal é aniversário, eu terei que comprar outro se quiser formas relacionadas ao tema jardim ou viagens, por exemplo.
Eu tenho 4 cartuchos, os 2 que vieram junto com a Cricut e 2 que comprei depois. Eu consegui um site que considero bom para comprar cartuchos, com preços e frete interessantes. Para quem pode e quer, acho que vale a pena. Também já escrevi um pouquinho mais sobre cartuchos neste link aqui.
Atualizando: O site que falei, da Oh My Crafts nos comunicou que supendeu a venda de produtos da Cricut. Não falaram nada sobre retorno.
Uma boa notícia??
Podemos ligar a Cricut ao computador através do programa SCAL – Sure Cuts a Lot, de forma que este software permite cortar qualquer arquivo com a extensão svg, eliminando a necessidade de ficar comprando cartuchos. Estes arquivos podem ser comprados na net ou mesmo encontrados free.
Para quem é fera no computador, como Corel ou Illustrator,  pode vetorizar qualquer desenho e usar o SCAL para cortá-los na Cricut (não sei nada disso). Outra grande vantagem do SCAL é que ele permite cortar qualquer fonte do computador. Além deste, existe o MTC e recentemente descobri o Fairy Cut. Todos tem que ser comprados.
A má notícia?
A Provo não gosta disso e depois de mover, e ganhar, um processo contra o MTC no ano passado, resolveu também, agora em março de 2011, processar o fabricante do SCAL, a Craft Edge, por algo como “quebra de direitos autorais”. Espero que não acabem com esta possibilidade… os consumidores estão contra a Provo. Caso estes programas não sejam mais permitidos, creio que a Cricut vai perder muitos pontos para a Silhouette e outras DCM.
Outros produtos ou programas que podem ser usados:
Eu não usei ou testei nenhum deles, mas a Provo tem alguns produtos para serem usados interligando a Cricut ao computador. São eles o Design Studio e o Gypsy. Não quero fugir do assunto do post, então deixo para falar deles depois, pois merecem um post exclusivo. Entretanto, estes dependem dos cartuchos.
Na CHA 2011, em comemoração aos 5 anos da Cricut, a Provo lançou um novo software, que parece que será gratuito, o Craft Room. Assim que eu conseguir saber mais detalhes, também faço um novo post.
Atualizando: As más notícias se confirmaram e hoje não há mais nenhum software compatível com a Cricut para cortar fontes e imagens svg. Quem tinha não tem problemas, só não pode atualizar o firmware da sua Cricut!
cricut 
 
3. A terceira vantagem, segundo o artigo, na verdade é uma tecla que ela possui, chamada “paper saving mode”. Segundo eles, o uso desta tecla permite economia de papel. Infelizmente, ainda não aprendi esta funcionalidade, mas pretendo estudá-la em breve.
 
4. Ela pode cortar diversos materiais, além de papel e/ou cardstock, tais como plásticos, vinil, tecido, chipboards, “foam” (EVA) e material para fazer carimbo.
Algumas observações: para materiais mais grossos, é necessário adquirir a lâmina de corte profundo, a Deep Blade. Porém, preciso fazer algumas ressalvas. O chipboard americando é mais fino, daí a possibilidade de corte. O que eles chamam de “foam”, eu creio que seja parecido com nosso EVA. Eu já tentei cortá-lo, mas não consegui. Parece que o deles é mais firme, o que permite um corte melhor. E para tecidos não é só colar e cortar, é preciso algum preparo. Eu já escrevi um pouco sobre tecido e EVA aqui no blog também. Mas ainda pretendo continuar meus testes.
 
5. A Cricut possui uma tela em LCD que mostra exatamente o que será cortado, prevenindo muitos erros. É um elemento que auxilia muito, realmente.
 
6. Se você precisa criar algum projeto em grande quantidade, com o mesmo formato, como convites, por exemplo, a Cricut também é útil. Para isso, podemos usar o botão/tecla "Quantity Mode" e então especificar quantas “cópias” da mesma forma precisamos e pronto.
nova cricut
 
7. Já o botão “Auto-Fill” permite duplicar as formas a serem cortadas tantas vezes quantas forem necessárias para preencher a área do papel que você está usando, ou seja, a máquina calcula quantas formas é possível cortar de acordo com o tamanho de papel que está sendo utilizado, por exemplo, 30 x30.
 
8. O modo Multi-Cut permite que a lâmina corte 2 ou até 4 vezes, possibilitando cortes mais profundos, usando materiais mais grossos. Legal para chipboard.
 
9 e 10. O artigo ainda cita o modo Flip Mirrors e a extensa biblioteca de cartuchos disponíveis, como uma grande vantagem da Cricut.
 
O que eu ainda acrescentaria:
Realmente, o número de cartuchos é bem extenso, considerando que cada um oferece um grande número de formas, as possibilidades são enormes. Mas nada como o SCAL…
O uso da Cricut é relativamente fácil, mas se quiser aproveitar todas as funcionalidades que a máquina nos oferece, é preciso um pouquinho de leitura, testes e tempo!!! Ou acompanhar meu blog e esperar muitas novidades que estou planejando….kkkkk!!!!
Para o SCAL, digo a mesma coisa. É preciso um pouquinho de tempo e,  de preferência acompanhar alguns dos muitos tutorias que existem na net. Sendo assim, vem uma outra observação. Existem muitos poucos em português, então um pouquinho de leitura em inglês ajuda bastante. Vamos aguardar as novidades.
Para mim, os cartuchos deixam muito a desejar no quesito alfabetos. Por isso, gosto mais ainda do SCAL, porque posso cortar aquela fonte que eu amo!!!
Então é isso. Mais uma vez espero ajudar!!
E não se esqueçam, não me “abandonem” porque terei novidades. Amanhã conto um pouquinho mais…
Atualizando: agora que é oficial voltei para atualizar e dizer acabamos de criar o Die Cuts e Cia - o DCC, onde iremos falar muito mais sobre Die Cut Machines. Dê uma passada por lá, se ainda não conhece: http://diecutsecia.blogspot.com/
Bjim e até breve.
Flávia

3 comentários:

Ondina disse...

OI Flavia,
Nossa só vi esse post agora, acredita?! Muito legal as dicas, anotei todas, mas por enquanto não tenho tempo pra fazer teste não, mal to cortando papel..rsrs

Bjs e não some...

Daniele Pacifico disse...

Oi Flavinha, td bom? Vc sabe que eu ainda não tentei cortar tecido com minha cricut?
Minha linda, vc acredita que seu nome ainda não aparece entre os seguidores do meu blog? Seu nome já tá na lista do sorteio mas eu preciso confirmar vc como seguidora. Vc entende né? Vc vê isso e me fala?
Vc vai à feira?
Um bjão e boa semana!

Jú Tofolli disse...

Olá Flavinha!!!
Td bem flor???
Menina ainda tô cortando tudo aquilo na tesoura... demoooooora!!!
Mas enfim... como é um investimento não adianta comprar uma coisa que não vai me ajudar... então ainda estou nas pesquisas...
Assim que encontrar algo legal te aviso ok???
Aproveitando!!! Foi vc quem deixou um recadinha na minha barra lateral pedindo valores de dedoches??? Estou perguntando pq seu recado não ficou linkado....
Andei meio sumida mesmo pois fiquei quase 40 dias sem comput....
Mas agora tô de volta...
Bjussss flor td de bom pra vc....
Jú Tofolli
http://brinquedodepano.blogspot.com

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...